Barra Brasil

NoticiasLinux.com.br

Evolução - Emotiv EPOC Controlando a TV com a mente.

2012-03-28 02h47min




Não foi preciso esperar a previsão da IBM, para chegar a conclusão que logo conseguiremos ler o cérebro. De madrugada (nas poucas horas vagas), nas pesquisas sobre a evolução dos dispositivos (BCI Interface de Controle do Cérebro) acabei adquirindo, instalando e testando o Emotiv EPOC. Com ele é possível controlar o PC interpretando as atividades cerebrais.

Desenvolvendo software em C/C++ junto aos seus 14 sensores neurais e um giróscopio o futuro se torna presente. Meu roadmap é primeiramente trocar o canal da tv com a mente (concluído), depois discar para uma determinada pessoa (utilizando Android), controlar o voo do Ar.Drone e para finalizar me envolver em projetos para controlar cadeiras de rodas com o Arduino (tudo isto com a força da mente jedi).

Estão disponíveis os drivers do equipamento para Windows e Mac. Em breve, segundo o fabricante, será disponibilizado o driver para Linux. Existem também iniciativas de código aberto como o Emokit. Em breve disponibilizaremos artigos, tutoriais e códigos fonte (claro).

Aproveito este post, para solicitar e/ou agrupar pessoas para projetar comigo uma solução, com o objetivo de disponibilizar para a humanidade um produto que permita dirigir cadeiras de rodas com a mente. Minhas limitações estão no hardware (eletrônica). Entretanto, o Arduino veio para facilitar a vida de todos Deixo neste post o link do vídeo da minha primeira prova de conceito controlando a TV.

http://youtu.be/fBTveyrCPMs
Postada por: Alessandro de Oliveira Faria (A.K.A. CABELO), alessandrofaria_em_netitec.com.br







Comentários dos leitores:


Postado por Everton J. Carpes@201.7.xxx.xx [e-mail] em 03/04/2012 13h02min:
O Emotiv pra start de conceito eh bem legal mesmo, mas a falta de interesse e suporte para Linux eh realmente desagradavel.

O Emokit eh um trabalho e tanto, mas apenas serve para resgatar dados brutos, todo trabalho de processar e analisar os dados acaba na mao de quem tah usando, o que nao eh exatamente um trabalho simples.

Uma alternativa para quem quiser uma plataforma aberta e estiver disposto a gastar um pouquinho mais eh o OpenEEG, um dispositivo de BCI cujo hardware eh aberto:

http://openeeg.sourceforge.net/doc/

Para quem ficar interessado mas nao estiver disposto a fazer o OpenEEG \"na mao\", existe uma empresa na Bulgaria que produz os modulos e envia para o Brasil, eu comprei atraves deles, tive problemas no envio atraves da TNT mas consegui receber atraves da Fedex:

http://www.olimex.com/

A aquisicao do OpenEEG abre portas bem legais em termos de pesquisa, uma vez que ele jah tem um driver 100% funcional para o OpenVibe, uma plataforma que permite projetar e testar interfaces BCI, vale muito a pena experimentar:

http://openvibe.inria.fr/



Postado por Carlos Gatto@189.5.xxx.xx [e-mail] em 03/04/2012 18h47min:
Cabelo, tudo bem? onde eu compro este headset? Entrei no site do olimex mas não achei nada \"pronto\". Então entendendo, você mandou fazer este headset de acordo com o OpenVibe? Fiquei na dúvida porque vi vídeos com um headset pronto. Acredito que se pudermos fazer algo simples do tipo controle de \"relés\", já seria possível o controle de cadeira de rodas, por exemplo. Me interesso muito por esta idéia.



Postado por Everton J. Carpes@201.53.x.xxx [e-mail] em 05/04/2012 05h00min:
@Carlos Gatto

O kit citado no post NAO eh da Olimex, pertence a um kit proprietario desenvolvido e vendido por uma empresa, mais detalhes podem ser encontrados em:

http://www.emotiv.com/

Pelo que sei o Epoc ainda nao eh integravel no OpenVibe e mesmo que venha a ser, suas limitacoes fisicas reduzem um pouco as aplicacoes, o que nao significa que coisas muito legais nao possam surgir mesmo com limitacoes...

Sobre a Olimex, que eu saiba eles nao faz headsets, o OpenEEG eh um projeto de um EEG mais \"tradicional\", com eletrodos \"livres\" que voce posiciona de acordo com as necessidades de seu estudo (usando gel pra colar os eletrodos junto ao coro cabeludo como em um exame medico), o que te dah inclusive uma boa liberdade de aplicacao, mas requer um pouco mais de trabalho justamente no estudo de posicoes por tipo de atividade/funcoes neurais (http://en.wikipedia.org/wiki/Brain#Functions)



Postar seu comentário no site:
Nome:

E-mail:

Site:

Comentários (Não use tags HTML):

Caracteres digitados: 0
Limite de caracteres: 3000.
Manter meu nome e e-mail para futuros comentários.

Digite os números da imagem:
Verificação de Segurança